O sistema de numeração romano

ALGARISMOS ROMANOS



Os romanos não inventaram símbolos novos para representar os números; usaram as próprias letras do alfabeto. 

I V X L C D M

O sistema de numeração romano baseava-se em sete números-chave: 

I V X D M
1 5 10 50 100 500 1.000


Quando apareciam vários números iguais juntos, os romanos somavam os seus valores. 

II = 1 + 1 = 2 
XX = 10 + 10 = 20 
XXX = 10 + 10 + 10 = 30 

Quando dois números diferentes vinham juntos, e o menor vinha antes do maior, subtraíam os seus valores. 

IV = 4 porque 5 - 1 = 4 
IX = 9 porque 10 – 1 = 9 
XC = 90 porque 100 – 10 = 90 

Mas se o número maior vinha antes do menor, eles somavam os seus valores. 

VI = 6 porque 5 + 1 = 6 
XXV = 25 porque 20 + 5 = 25 
XXXVI = 36 porque 30 + 5 + 1 = 36 
LX = 60 porque 50 + 10 = 60


Para ler um número como MCDV, veja os cálculos que os romanos faziam:


Em primeiro lugar buscavam a letra de maior valor. 
M = 1.000 

Como antes de M não tinha nenhuma letra, buscavam a segunda letra de maior valor. 

D = 500 

Depois tiravam de D o valor da letra que vem antes. 

D – C = 500 – 100 = 400 

Somavam 400 ao valor de M, porque CD está depois e M. 

M + CD = 1.000 + 400 = 1.400 

Sobrava apenas o V. Então: 

MCDV = 1.400 + 5= 1.405

 

VOLTAR